5 pecados para não cometer na Black Friday


Consultora dá dicas para os consumidores aproveitarem melhor a data sem dores de cabeça futuras

As vendas da Black Friday no Brasil deverão crescer 15% neste ano, de acordo com estimativas divulgadas nesta terça-feira (24) pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP). O evento será realizado daqui em 24 de novembro. A data é esperada pelo varejo, porém, ainda mais, pelos consumidores. E o desafio para eles está em controlar a ansiedade para não cometer pecados dos quais poderão se arrepender. Camila Pacheco, sócia diretora da consultoria empresarial, Blue Numbers, dá cinco dicas para quem quer aproveitar o melhor da data, com economia e sem dores de cabeça.

Não compre por impulso: Faça uma lista prévia dos itens que gostariam de adquirir para não comprar por impulso algo que não esteja precisando de verdade;

Fique de olho no preço e no comparativo: O consumidor deve se cadastrar e visitar sites compras para comparar preços entre as lojas para ter certeza de que a redução de preços é real, e não fruto do velho “metade do dobro”.

Atenção aos prazos: Aproveite para programar e adiantar as compras de Natal, caso encontre ofertas vantajosas, mas atenção ao prazo de entrega.

Cuidado com o orçamento: Tenha uma verba definida para as compras para não desequilibrar o orçamento e cair no endividamento. Lembre-se que no final do ano há gastos com presentes, festas e viagens, além dos custos tradicionais que temos quando o ano começa, como IPVA, IPTU, Volta às Aulas etc. Não comece o ano com dívidas.

Fraudes e promoções enganosas e não vantajosas são frequentes. Cuidado. Certifique-se sobre a confiabilidade do site.

 

Fonte: Segs

 

Não deixe suas conquistas nas mãos da sorte. Assegure seus bens com a Sustentare. Saiba mais sobre a corretora em: https://sustentareseguros.com.br/